Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Cor da Escrita

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

A Cor da Escrita

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

A Gaudí

24.01.20, Olga Cardoso Pinto
“A ornamentação foi, é e será colorida. A natureza não nos apresenta nenhum objeto monotonamente uniforme. Tudo na vegetação, geologia, topografia, reino animal, mantém sempre um contraste de cores mais ou menos vívido [...] ". Antoni Gaudí   O artista que mais admiro, pelo seu talento e visão, pela sua versatilidade e forma de se inspirar na natureza para criar obras tão belas, que ainda hoje nos admiram face a tanta criatividade e arrojo! 

Pensamentos poéticos

Vida

20.01.20, Olga Cardoso Pinto
Se soubesses o que conta o meu silêncio O que dizem minhas mudas palavras Elas contam histórias, imprevistos e desejos E tal como eu Desejavas ouvir o som do mundo Na melodia dos pássaros, no cantarolar da fonte e no murmúrio do vento! Tudo te diz, tudo conta e tudo grita VIDA!  

Inspiração...

para o fim-de-semana

18.01.20, Olga Cardoso Pinto
"Virtue" de Jesse Cook Uma das músicas que oiço para escrever, desenhar e pintar! Traz-me serenidade e inspiração, uma certa nostalgia e também a felicidade de saber que há quem crie tanta beleza para desfrutarmos. O vídeo é lindíssimo e complementa magistralmente a música. Aqui fica a partilha com amizade! Bom fim-de-semana!

Feliz Citação

Em memória de Miguel Torga

17.01.20, Olga Cardoso Pinto
"O mal de quem apaga as estrelas é não se lembrar de que não é com candeias que se ilumina a vida." Miguel Torga   Partiu há 25 anos e deixou-nos um legado rico para a nossa querida língua e cultura. Voltemos a ler a sua poesia e os seus contos que nos abrem uma janela para amarmos as nossas raízes! Quem leu Bichos e os Contos da Montanha sabe bem como o nosso imaginário fervilhou quando éramos crianças e jovens!   Imagem: Hubble Unveils a Tapestry of Dazzling Diamond-Like (...)

Leituras Alternativas

13.01.20, Olga Cardoso Pinto
Belo presente que me foi oferecido "Contos Espirituais da Índia": um livro de bonitos contos inspiradores, leitura leve de histórias subtis que são ensinamentos. Este livro é a compilação de narrativas que foram ouvidas a diversos mestres nas suas inumeras viagens à Índia de Ramiro Calle, diretor do Centro de Yoga e Orientalismo Shadak, em Espanha, sugiro esta leitura agradável e alternativa que é aconselhada a adultos e crianças. "Quando alguém alberga em si mesmo a semente (...)

Reflexões

10.01.20, Olga Cardoso Pinto
Imagem: composição a partir de foto partilhada no facebook de canguru bebé resgatado dos incêndios na Austrália, cujo autor desconheço, assim que seja identificado far-lhe-ei aqui referência   "Uma das nossas missões, aqui neste planeta, é sermos os guardiões dos seus habitantes e de toda a diversidade de vidas! Para quê procurar longe o que temos sob os nossos pés, sobre as nossas cabeças e nas nossas mãos? Todo esta filigrana tão graciosamente entrançada é o que faz (...)

Inspiração

Poesia lírica de Fernando Pessoa

08.01.20, Olga Cardoso Pinto
No Entardecer da Terra No entardecer da terra O sopro do longo Outono Amareleceu o chão. Um vago vento erra, Como um sonho mau num sono, Na lívida solidão. Soergue as folhas, e pousa As folhas, e volve, e revolve, E esvai-se inda outra vez. Mas a folha não repousa, E o vento lívido volve E expira na lividez. Eu já não sou quem era; O que eu sonhei, morri-o; E até do que hoje sou Amanhã direi, quem dera volver a sê-lo!... Mais frio O vento vago voltou.   Fernando Pessoa