Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Cor da Escrita

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

A Cor da Escrita

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

Inspirações

Os nossos Xutos & Pontapés

30.01.20, Olga Cardoso Pinto

Perfeito Vazio

Aqui estou eu
Sou uma folha de papel vazia
Pequenas coisas, pequenos pontos
Vão-me mostrando o caminho
Às vezes aqui faz frio,
Às vezes eu fico imóvel,
Pairando no vazio
Às vezes aqui faz frio


Sei que me esperas
Não sei se vou lá chegar
Tenho coisas para fazer
Tenho vidas para acompanhar
Às vezes lá faz mais frio,
Às vezes eu fico imóvel,
Pairando no vazio
No perfeito vazio
Às vezes faz lá mais frio


Bem-vindos à minha casa
Ao meu lar mais profundo
Onde eu saio por vezes
Para conquistar o mundo
Às vezes tu tens mais frio
Às vezes eu fico imóvel
Pairando no vazio
No perfeito vazio
Às vezes lá faz mais frio
No teu peito vazio

 

Uma das músicas que gosto muito dos Xutos & Pontapés pela sonoridade, pela poesia e pela mensagem. 

Espero que também apreciem.

Há Palavras...

29.01.20, Olga Cardoso Pinto

IMG_1465.JPG

Há palavras que nos beijam
Como se tivessem boca.
Palavras de amor, de esperança,
De imenso amor, de esperança louca.

Palavras nuas que beijas
Quando a noite perde o rosto;
Palavras que se recusam
Aos muros do teu desgosto.

De repente coloridas
Entre palavras sem cor,
Esperadas inesperadas
Como a poesia ou o amor.

(O nome de quem se ama
Letra a letra revelado
No mármore distraído
No papel abandonado)

Palavras que nos transportam
Aonde a noite é mais forte,
Ao silêncio dos amantes
Abraçados contra a morte

 

Alexandre O’Neill

 

A Gaudí

24.01.20, Olga Cardoso Pinto

gaudí1.jpg


“A ornamentação foi, é e será colorida. A natureza não nos apresenta nenhum objeto monotonamente uniforme. Tudo na vegetação, geologia, topografia, reino animal, mantém sempre um contraste de cores mais ou menos vívido [...] ".
Antoni Gaudí

 

O artista que mais admiro, pelo seu talento e visão, pela sua versatilidade e forma de se inspirar na natureza para criar obras tão belas, que ainda hoje nos admiram face a tanta criatividade e arrojo! 

Inspiração...

para o fim-de-semana

18.01.20, Olga Cardoso Pinto

"Virtue" de Jesse Cook

Uma das músicas que oiço para escrever, desenhar e pintar!

Traz-me serenidade e inspiração, uma certa nostalgia e também a felicidade de saber que há quem crie tanta beleza para desfrutarmos. O vídeo é lindíssimo e complementa magistralmente a música.

Aqui fica a partilha com amizade! Bom fim-de-semana!

Feliz Citação

Em memória de Miguel Torga

17.01.20, Olga Cardoso Pinto

PIA20468_medium.jpg

"O mal de quem apaga as estrelas é não se lembrar de que não é com candeias que se ilumina a vida."

Miguel Torga

 

Partiu há 25 anos e deixou-nos um legado rico para a nossa querida língua e cultura. Voltemos a ler a sua poesia e os seus contos que nos abrem uma janela para amarmos as nossas raízes!

Quem leu Bichos e os Contos da Montanha sabe bem como o nosso imaginário fervilhou quando éramos crianças e jovens!

 

Imagem: Hubble Unveils a Tapestry of Dazzling Diamond-Like Stars - NASA

Leituras Alternativas

13.01.20, Olga Cardoso Pinto

contos espirituais da Índia.jpg

Belo presente que me foi oferecido "Contos Espirituais da Índia": um livro de bonitos contos inspiradores, leitura leve de histórias subtis que são ensinamentos.

Este livro é a compilação de narrativas que foram ouvidas a diversos mestres nas suas inumeras viagens à Índia de Ramiro Calle, diretor do Centro de Yoga e Orientalismo Shadak, em Espanha, sugiro esta leitura agradável e alternativa que é aconselhada a adultos e crianças.

"Quando alguém alberga em si mesmo a semente da iluminação, tudo se pode converter em mestre exterior para despertar o mestre interior, mas se alguém for avesso ao caminho do autoconhecimento, nada nem ninguém poderá abrir os olhos da sua Sabedoria."

 

Pág. 1/2