Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Cor da Escrita

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

A Chave

27.08.21, Olga Cardoso Pinto
  Qual a chave que abre a porta secreta? Ficou ela trancada ou quase aberta? Quem encerrou aquele belo momento? Das chaves da vida levou-as o tempo. Fechada a porta de cada sentir, Outra se mostrará para uma nova chave abrir.    

Momentos

23.08.21, Olga Cardoso Pinto
Momentos 27.07.2021 Vivências suspensas em fotografias. Fruir de momentos em vivências felizes. Fotografia de momentos especiais. Captar a felicidade de quem fotografa. São vinte cinco anos e mais outros oito ao teu lado, em viagem!    

Ninfas do lago

A inspiração das flores

16.08.21, Olga Cardoso Pinto
Gosto muito de flores e sempre que vejo uma fotografo-a, para posteriormente poder inseri-la numa ilustração. Claro que não lhes faço justiça quando as desenho, pois a real beleza habita no que é natural, no entanto ajudam-me inspirando-me nos meus temas. Este Lírio d'água ou Ninfeia vive placidamente num cuidado lago, que é partilhado por outras belas flores como ela e por pequenas rãs que saltitam alegremente ao sol. A sua beleza não se fica somente pelas bonitas cores e (...)

Porto, querido Porto

09.08.21, Olga Cardoso Pinto
CANÇÃO O Porto com seu granito enegrecido pelo tempo, o Porto com o seu mar entrando pelo Douro dentro. O Porto com suas varandas de flores e ferro forjado, de onde se veem jardins à espera de namorados. O Porto com suas palavras que sobem do coração, o Porto com sua pronúncia de quatro pedras na mão.   João Pedro Mésseder, Porto Porto  

Ao pormenor

30.07.21, Olga Cardoso Pinto
Hortênsia Dentro dela há um pequeno segredo Que se quer à luz descobrir Abrem-se as pequeninas pétalas a medo Dando liberdade à vida surgir Tão bela nessa sua cor Deslumbra o caminho que por ali passa Enlevas-me nesse anseio de amor Tão cheio de alegria, virtude e graça.    

Escrita ficcionada

Recuando no tempo

26.07.21, Olga Cardoso Pinto
Escrevo um romance, passado na Idade Média, há pelo menos dois anos. Ando a mortificar-me por ainda não o ter finalizado, pois merece muita dedicação e pesquisa para que nada falhe nas vidas fictícias inspiradas noutras que foram bem reais. Já partilhei aqui no blog um excerto sobre o nascimento de uma das personagens, hoje partilho mais um pouco, espero que apreciem a leitura. (...)

Sonhos

Feliz Citação

20.07.21, Olga Cardoso Pinto
“Nunca desista de um sonho só por causa do tempo que você vai levar para realizá-lo.... O tempo vai passar de qualquer forma." Renato Maia Foto: lantana rosa de jardim  

Celebrar

19.07.21, Olga Cardoso Pinto
"Há pessoas tão especiais na nossa vida, que os momentos vividos ao seu lado são inesquecíveis."   18/07/2021 foi o Dia do Batizado da nossa querida Benedita, celebrado pela família e amigos com muita felicidade.