Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Cor da Escrita

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

Fotos do meu álbum

30.12.21, Olga Cardoso Pinto

IMG_4232 (2).jpg

Aqui há sonhos, há projetos, há vida.

Há uma vista para o futuro, há sons da Natureza, perfumes singelos e gente genuína.

O bulício do mundo fica lá fora, afastado, ausente; aqui há beleza, pureza e quietude.

 

A oliveira ancestral e as flores do dragoeiro emolduram a vista para a serra.

 

Foto: algures num recanto do Minho

 

2 comentários

  • Minha querida Amiga Isa!
    É bom ver-te por aqui, obrigada de coração pelas tuas palavras. Este dragoeiro, da espécie de Madagáscar, tem mais irmãos e todos deram imensas flores, devem gostar de mim , pois acho-as lindas! Já conheces a história do dragoeiro sobre a origem do seu nome? É muito interessante.
    Que haja muitos sorrisos para ti e família neste novo ano que se avizinha, e muita saúde, realizações e felicidade.
    Um beijinho imenso para ti, fica bem.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.