Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Cor da Escrita

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

Fotos do meu álbum

12.01.24, Olga Cardoso Pinto

IMG_8945.jpg

 

 

Caminho líquido,

Onde deixo mergulhar a imaginação, de tempos idos, de uma recordação. De uma recordação de quem fui, de quem hoje sou. A inspiração nasce e flui numa braçada, de mergulho profundo até às profundezas da divagação.

Neste texto corrido, divago em poesia, conto de memória esta emoção, esta alegria. Um momento singular de estar contigo, sem tempo nem lugar, apenas te desfrutar, te sentir, ser amigo.

Levei comigo as almas de quem já voou, numa lembrança de quem foram, de onde venho e para onde vou. São legados eternos, não só imaginação, são bordados intricados que unem a criação.

Fica para sempre, em retrato guardado, um encontro intemporal, num abraço apertado, este lugar, caminho líquido feito para mergulhar.

 

Foto: Branda da Aveleira, Melgaço. 

 

 

22 comentários

Comentar post