Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Cor da Escrita

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

A Cor da Escrita

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

Fotos do meu álbum

Caminhadas pela Natureza

12.11.20, Olga Cardoso Pinto

almorol.jpg

Foi um passeio retemperador pela manhã, a chuva não me ausentou de ti. Fui visitar-te e acolheste-me com o perfume do outono fresco que inunda as tuas vestes. Respirei fundo e deixei que este odor perfumasse a minha alma. Estavas ali, à minha espera, incólume, somente transformada pela estação, linda e convidativa. Assim, neste enlevo esqueci a vida, esqueci este quotidiano que me assombra, que me faz vacilar nas minhas escolhas e nos meus sonhos.

Como tive saudades tuas! Saudades do teu sábio poder de me animar e de me reconfortar, só não me deitei ao teu lado por pudor, porém deixei que me envolvesses neste amplexo natural, tendo como fundo uma serenata composta pelo cantar das aves, pelo correr do regato e pelo sopro do vento revolvendo-me os cabelos...fizeste-me voltar a sentir felicidade.

Hoje ainda me sinto renovada, tenho o meu ser impregnado de ti, minha querida Natureza.

 

Foto: Parque de Avioso (Maia)

 

22 comentários

Comentar post

Pág. 1/2