Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Cor da Escrita

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

Pelo caminho

29.06.21, Olga Cardoso Pinto

5849DBFF-F94D-44F3-9847-EB84AD539B56.jpeg

Pelo caminho o asfalto recorta a paisagem quase intocável. A cantoria dos pássaros deixa entrever um mundo onde o Homem só por ali vai de passagem, mas o som que nos enche os sentidos é o zumbir replicado por milhares de abelhas que ali se alimentam das belas flores campestres, nascem assim sem a mão humana dominadora.

Neste desterro da civilização imperam os bichos, a Natureza, ela está por aqui neste cume de cheiros, perfumes, cores e sons. O ruminar e o resfolegar dos cavalos, que polvilham as cercanias mais altas, olham-nos indiferentes na sua altiva pose equina, de pelo brilhante e olhos sagazes. 

A minha mente para, desliga, como a absorver o que me envolve. Olho em volta e inspiro, terei chegado a uma parte do Éden?

 

 

4 comentários

  • Bem verdade Danny, custa mesmo. Sempre foste a Pitões das Júnias em Montalegre?
    Fica bem e continuação do teu excelente trabalho e dedicação.
    Bjs
  • Imagem de perfil

    Danny the Fox

    01.07.21

    Sim, fui. As paisagens que falo ficam a caminho de Pitões, no Planalto da Mourela. A sensação de andar por ali é indescritível... rochas, arbustos verdejantes, mais rochas e céu. Muito céu...
    Ao fundo, ao longe, uma moldura de pedra no cume da montanha inóspita, como se esta tivesse os seus ossos expostos aos elementos...
    Já estou com saudades.
    Bjs
  • Pela tua bela descrição dá vontade de ir lá num pulo
    Fica bem Danny e boa semana para ti.
    Bjs
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.