Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Cor da Escrita

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

Páginas onde a ilustração e o desenho mancham de cor as letras nascidas em prosa ou em verso!

Celebrações

24.06.22, Olga Cardoso Pinto
"O final da tarde chegava de mansinho, mas o sol ainda alto tornaria o dia no mais longo do ano. Lá longe, perto do rio, preparavam-se as fogueiras que seriam purificadoras para quem as saltasse e afoitavam-se as gentes no cozinhar da ceia para festejar o solstício de verão - não podiam faltar o peixe - esse ser do rio - o pão força para o corpo e o vinho dádiva da natureza e transformada pelos homens. Nabica carregava Brígida ao colo, a seu lado caminhava Dulce que levava na (...)

São João rapioqueiro

23.06.22, Olga Cardoso Pinto
  São João já cá canta A tua festa vai começar Feita de alegria que encanta, De rusgas e fogo de pasmar   O manjerico é tão verdinho Que dá regalo ver Perfumas o ar ao santinho Nesta noite de prazer   É o martelinho, é o balão A música ecoa no ar As sardinhas pingam no pão É noite de foliar!     Feliz São João! Imagem: Filipa Brito, no site da Câmara Municipal do Porto